Fed: US$ 1 trilhão a Wall Street e nada às famílias endividadas

“Os fundos governamentais que desde Roosevelt ajudavam as famílias a obter moradias e seguro-saúde estão sendo quebrados para salvar banqueiros que especularam e criaram a bolha hipotecária”, denuncia o economista e professor Michael Hudson

O economista Michael Hudson, ex-executivo do Chase Manhattan (atualmente JPMorgan Chase), especializado em imóveis e relatórios financeiros, principal assessor econômico do deputado federal Dennis Kucinich – pré-candidato democrata em 2004 e 2008  -, escreveu artigo publicado no dia 14 em que denuncia que os fundos das agências governamentais criadas pelo presidente Franklin Roosevelt para tirar o país da depressão de 1929 e “que deveriam ser usados para ajudar as famílias a obter moradias e seguro-saúde; proteger suas economias e prover suas aposentadorias”, estão sendo quebrados “para salvar banqueiros e administradores financeiros que especularam e criaram a bolha hipotecária norte-americana”.

“Parece uma grande ironia que essas instituições (os bancos habitacionais federais, o Departamento Federal de Habitação, as agências de financiamento de moradia) agora estejam sendo mobilizadas para pagar os credores de Wall Street, para bombear créditos para o mercado hipotecário, para revenda em volume a investidores institucionais. Todos esses programas foram criados para ajudar os compradores de casas e não os seus credores e especuladores. Mas pagar especuladores e a alta finança tornou-se a sua principal função. Estas mudanças viraram de cabeça para baixo o sistema habitacional na América. Wall Street, com certeza, parabenizou a captura destas instituições do New Deal”, afirma Hudson, que também é professor da Universidade de Missouri. 

RISCOS

“Os eventos financeiros  das últimas duas semanas de março deste ano mostraram que a ‘realeza econômica’, que foi removida do templo financeiro por Franklin Delano Roosevelt, retornou para levar nossa economia para criação da terrível situação de rebaixamento a níveis sem precedentes dos riscos de dívidas para os bancos, eufemisticamente chamado de   ‘salvação da economia’ e ‘instituição do bem-estar’ pelo governo”, escreveu Hudson em seu artigo “Um Trilhão para os Apostadores de Wall Street e Nada para as Famílias e Aposentados”, publicado no site  www.counterpunch.com.

“Na verdade, o que temos visto nas últimas semanas são trilhões de dólares sendo comprometidos para a guerra e para o apoio a bancos. E tudo isso sob o lema da ‘salvação do sistema’”, descreve Hudson.

“Este ‘sistema’ que o Tesouro, o Fed e as agências criadas pelo New Deal - agora capturadas pelo governo Bush - estão tentando salvar é um grande esquema Ponzi na economia [denominação americana para a fraude utilizada por Charles Ponzi, que enriqueceu em seis meses depois de atrair 40 mil pessoas para uma pirâmide financeira em 1920]. Com isso eu quero dizer que o plano é que os credores emprestem aos devedores dinheiro suficiente para que estes paguem os custos em juros e continuem adimplentes”, acrescenta.

BOLHA

“Porém, nos últimos anos, este ‘sistema’ dependia dos preços dos ativos de bens imóveis, ações e títulos serem inflacionados o suficiente para permitir aos devedores penhorarem estes ativos com a garantia de um elevado preço de mercado para alimentar mais e mais novos empréstimos. Mas agora, a bolha imobiliária explodiu (e naturalmente, os preços caíram), e o problema é como pagar a conta do nosso iceberg econômico que afunda em uma depreciação cada vez maior - gerando uma condição nas quais os débitos atrelados às propriedades excedem seu valor de mercado. Alguém tem de arcar com a perda, mas quem?”.

Hudson esclarece que ‘em uma situação normal, é o banqueiro ou o investidor que arca com a perda. Mas eles agora estão supostamente sendo ‘resgatados’. Isto está sendo apresentado como um ‘retorno à estabilidade’. Mas era um ‘sistema’, que para começo de conversa, nunca foi estável. Na verdade, para o resgate funcionar, a maioria dos americanos possuirá menos e deverá mais, enquanto lhes está sendo dito que tudo isso é o caminho para a criação de riqueza – como se estivessem tratando de seu bem estar e não do de seus credores. O ‘resgate do sistema financeiro’ para o perdão especial da dívida no caso Bear Stearns-JPMorgan Chase é uma nítida ilustração de como o autoritarismo financeiro dos EUA desenvolveu uma relação parasitária sobre o trabalhador americano em seu papel de contribuinte, consumidor e proprietário residencial”, escreve Michael. “Salvar os investimentos financeiros do mercado, em condições adversas é, ao final de contas, especulação”.

ESCRAVIZAÇÃO

“O resultado é o verdadeiro caminho para a escravização pela dívida”, denuncia o economista.

Ele afirma que “o público americano pode justificada-mente ficar intrigado com a forma como o governo pode vir a destinar trilhões de dólares para guerras no exterior e pagamentos a banqueiros, mas tão pouco para eles. Os Estados Unidos estão gastando um valor estimado de três trilhões de dólares em uma guerra ilegal que tornou-nos menos seguros, e um trilhão até agora para salvar banqueiros, de um modo que é desestabilizador para a economia. Mas não pode gastar com seguro-saúde ou aposentadoria para todos os americanos. Na terça-feira, 25 de março, logo após assinar o fornecimento de um trilhão de dólares para o setor financeiro e imobiliário, o sr. Henry Paulson [secretário do Tesouro dos EUA] reviveu as pretendidas afirmações do governo Bush de que não há dinheiro para pagar a segurança social. Consertar a previdência social - se é que existe de fato algum problema - seria relativamente fácil. Só com a revogação das quase isenções fiscais de Bush aos 1% dos americanos mais ricos (aqueles que ganham mais de US$ 414.000,00 por ano) restabelecendo o impostos de 30% da década de 1990 proporcionaria mais de 46% do que o Comitê de Orçamento do Congresso estima ser o déficit da previdência”, propõe o economista.

SEM MEDICARE

“A alegação de que não existe recurso para o financiamento das obrigações da previdência social e do Medicare [programa federal de saúde] foi proferida ostensivamente na última semana de março. Cinco anos, quatro mil vidas, e três bilhões dólares para a guerra - mas nenhum dinheiro para a previdência social nem para o Medicare!”, denuncia. “O histórico caminho para a servidão é o da escravidão da dívida a favor de uma oligarquia financeira que concentra toda a riqueza em suas próprias mãos”, completa.

Nessa questão, para Hudson, o que deve ser feito para “inverter este caminho em direção à escravidão da dívida é fazer um novo parcelamento dos pagamentos das hipotecas - em particular para as propriedades depreciadas com valor muito abaixo do saldo devedor - de forma a refletir a queda nos valores atuais das propriedades nos débitos que haviam sido contraídos sob condições de risco, através do constrangimento do devedor em comprometer-se acima da sua capacidade de pagamento. Uma vez que o principal tenha sido reduzido a níveis realistas, deve-se substituir as taxas flutuantes para as hipotecas por taxas fixas”.

“O problema para esta solução é que, para as instituições financeiras, a crise da habitação não é problema seu. Sua atitude de ‘culpem-as-vítimas’ joga-o para os endividados em hipotecas e, agora, cada vez mais para todos os contribuintes”, finaliza o economista.                                                                  RODRIGO CRUZ

 


Primeira Página

 

Página 2

 
Privatizações põem SP sob risco de sofrer mais apagões elétricos

Executiva Nacional do PT questiona resolução do partido em BH que avalizou aliança com Aécio Neves

Oposição quebra outro acordo e base do governo repele mais uma bisbilhotagem na CPI da Tapioca

Diretor-geral da ANP diz que apenas repetiu o que os americanos disseram

Para diretor da PF, matéria que atribui conclusões a delegado sobre suposto dossiê é mera especulação

Jobim formaliza na Venezuela proposta de criar o Conselho Sul-Americano de Defesa

Miro propõe carta branca para a mídia caluniar e manipular

Página 3

Meirelles afronta a nação e aumenta juros em O,5 ponto

Decisão põe em risco o robusto desempenho do PIB, diz comércio

Para indústria, alta do juro é ação preventiva contra o crescimento

Iedi: Copom inicia processo perigoso para a economia

Abdib: inflação é desculpa para nivelar PIB em 3,5%

Centrais repudiam boicote ao desenvolvimento do país

Delfim Netto defende a estatização do BC

Estudantes protestam contra a taxa de juros

PT condena alta da Selic

Página 4

Modelo obscurantista tucano pôs abaixo qualidade do ensino em SP

Fórum Social do Mercosul no Paraná é um reconhecimento do avanço da democracia no Estado, afirma Neto

Agricultores familiares entregam reivindicações ao ministro Dulci

Dois anos sem Telê

Romário se despede do futebol e promete voltar no jogo do adeus

Torcida embala vitória de Guga no Challenger de Santa Catarina

Pequim brinda às Olimpíadas um dos mais modernos estádios do mundo

Página 5

 

Comandante da Amazônia afirma que ONGs estrangeiras ameaçam soberania

 

Reserva Raposa Serra do Sol terá demarcação contínua rediscutida

 

Tempo que paulistanos ficam parados no trânsito gera R$ 34 bilhões de prejuízo por ano, diz estudo

 

Cartas

 

Página 6

Coréia socialista festeja o aniversário de Kim Il Sung

 “A batalha de Pochombo caiu como raio em céu claro sobre os imperialistas”

 Povo de Dyangshi celebrou a vitória dos guerrilheiros comandados por Kim Il Sung

 Fundador da RPDC lançou bases para a reunificação

Página 7

Fed: US$ 1 trilhão a Wall Street e nada às famílias endividadas

Fidel: Não fazer concessões à ideologia inimiga

EUA mantém Tariq Aziz em cativeiro, enfermo e isolado da família e dos advogados

Fracassa greve geral da oposição no Zimbábue

Itália: partido de Prodi é derrotado por ter mantido arrocho neoliberal  

Gangue dos separatistas de Kosovo traficou com órgãos extraídos de prisioneiros sérvios

Página 8

Encontro une autores, gravadoras e rádios públicas em defesa da boa música nacional

Carta do Paraná: Toque o Brasil

Leia

Ou o Brasil acaba com Meirelles ou o BC acaba com o Brasil

Lula: “quem acha bom subir agora os juros é louco”

Para Delfim, ameaça de elevar os juros é terrorismo do Copom

Prócer tucano plantou na ‘Veja’ dossiê sobre gasto sigiloso de FHC

FHC não explica compra de pênis de borracha com verbas sigilosas

BC quer elevar juros para ver se derruba popularidade de Lula

Veto federal a tarifas de escorcha derruba privatização da Cesp

S. Paulo unânime pede a suspensão do leilão da Cesp

Ações na Justiça pedem suspensão do leilão da Cesp

Berzoini quer Quércia como vice de Marta

Senado murcha a bola da oposição e volta a trabalhar

Bush veta lei que proíbe tortura de presos políticos

Privatização da CTEEP provoca apagão em SP

Lula desentoca o tatu: “oposição não aceita que pobre tenha vez”

Juiz que botou a mãe na zona lustra STF com sua sapiência

Juiz afronta o Direito e autoriza imprensa a difamar impunemente

Fidel: “Preparar Cuba para minha ausência é o meu maior dever”

Lula e trabalhadores unidos para manter Brasil no rumo certo

Dama do esgoto move processos para calar Nassif

Nova liminar susta a privatização da Cesp

Governo protocola a CPI e deixa oposição pendurada na tapioca

Brasil pagou em 2007 24,4 bi além da meta do superávit primário

Brasil tem recorde de remessa de lucros e investimento dos EUA

Lula tinha razões para comparar a reunião de ministros à Santa Ceia

Edgarzinho do bingo exuma censura para se vingar de Requião

Lula diz em Cuba que falta competência aos EUA para dar palpite sobre país dos outros

‘Corte só no superávit primário’, defendem as Centrais Sindicais

1 ano de impunidade!

Planejamento cogita excluir R$ 14 bilhões do superávit primário

Anatel dá de presente a 3G para monopólio da Telefónica e AT&T

Lula e Bachelet levam apoio a Evo e aprovam o corredor bioceânico

Projeto quer ampliar “conteúdo nacional” entregando TVs para os capitais externos

Banco do Sul: marco de novo salto para a libertação continental

Discurso de Renan arrasa impostura e convence plenário

Chávez aconselha a oposição a valorizar vitória e retornar ao leito da democracia

Mercadante agora quer cassar Renan e aprovar a CPMF com os votos da oposição

Procurador conclui que Azeredo roubou dinheiro do Estado

CCJ vota “Sí” ao ingresso da Venezuela no Mercosul

Serra diz que sua privatização não é igual a de FHC

Truculência da Anatel para desnacionalizar a mídia choca o setor

Triunfo da Petrobrás esconjura agouro dos criadores de apagão

“Não vai faltar nem gás nem energia”

Época copia Veja e frauda até foto do presidente Chávez

Anatel comete novo ilícito para fazer Abril laranja da Telefónica

Desenvolvimento e juro baixo dão vitória à Cristina

Anatel se amanceba com teles para matar concorrência na área de telefonia e mídia

Jefferson admite que acusações de Lyra a Renan são “frágeis”

Lula cobra que Senado mostre “seriedade” em relação à CPMF

Para Jintao, combate à desigualdade social é a “nova prioridade”

Tucanos abrem o jogo e dão largada para privatizar tudo em SP

NYT confirma em manchete: ‘Bush autorizou tortura’, como disse o HP em junho de 2004

CIA diz que vai banir o “water-boarding” para humanizar seu programa de tortura

Chinaglia faz média com a ‘Veja’ à custa da honra dos companheiros

Tucanos querem pôr na conta de Lula a ladroeira de Azeredo

Sai pela culatra golpe da mídia para jogar o Senado contra Chávez

Oposição quer o fim da CPMF para acabar com a saúde pública e programas sociais

Desacatar veredicto das urnas é negar a democracia, diz Lula

 Senado fulmina furor golpista e reafirma a sua independência 

Na falta das provas contra Renan, mídia alicia oposição para atropelar regimento

 Renan expõe as vísceras da “torpeza e da delinqüência” do grupo Abril

LULA CONVOCA O PT A CERRAR FILEIRAS “NADA QUE NOS ACONTEÇA PODE NOS ESMORECER”

SEGUNDO J. BARBOSA, REVERENCIAR AUTORIDADE É INDÍCIO "O BASTANTE" PARA CRIME DE MANDO

STF COZINHA MÍDIA E ACEITA JULGAR PETISTAS (MAS VAI ABSOLVÊ-LOS)

LAUDO CONCLUI QUE "GADO FOI VENDIDO A PREÇOS DE MERCADO E PATRIMÔNIO É COMPATÍVEL COM A RENDA"

LULA ESCLARECE A CRISE DOS EUA: "QUEM ACHA QUE A ECONOMIA É UM CASSINO PODE PERDER"

AUTONOMIA FAZ DAS AGÊNCIAS ARMA DE CARTEL PARA USURPAR PODER DE GOVERNOS

CIVITA RECEBE 1 BILHÃO PARA SE TORNAR LARANJA DA TELEFÓNICA NA TVA

MINORIA QUER TOMAR O SENADO NO GRITO

PARA A MÍDIA GOLPISTA, LULA CONTINUA EM ALTA PORQUE POVO BRASILEIRO É "POBRE E IGNORANTE"

"QUEM ACHA QUE VAI ME VENCER NA RUA PODE TIRAR SEU CAVALO DA CHUVA"

SERRA NÃO EXPLICA O METRÔ DESABADO E PONTIFICA SOBRE DESASTRE DO  AIRBUS

LULA TENTA APAZIGUAR GOLPISTAS NOMEANDO JOBIM PARA DEFESA

MÍDIA GOLPISTA ESCONDE LAUDO DO IPT SOBRE O ATRITO DA PISTA

"GLOBO" MANIPULA A TRAGÉDIA EM SP PARA INSUFLAR "CRISE AÉREA" E JOGAR CULPA EM LULA

MAIA PAGA O APOIO DE LULA AO PAN FORJANDO VAIA PARA CONSEGUIR DOIS MINUTOS DE FAMA

INVESTIMENTO PÚBLICO CRESCE 33% EM 2007

"NÃO VI NENHUM DELITO QUE POSSA SER IMPUTADO A SILAS RONDEAU", DIZ TARSO GENRO

COM CHÁVEZ, O BRASIL CRESCEU EXPORTAÇÕES À VENEZUELA EM 562%

SUPREMA CORTE TRAZ SEGREGAÇÃO DE VOLTA ÀS ESCOLAS DOS EUA

LULA ORIENTA PT A NÃO TREPIDAR COM ARENGA GOLPISTA CONTRA RENAN

REELEGER LULA DE NOVO É VONTADE DA MAIORIA, DIZ PESQUISA DO PSDB

SEM NADA CONTRA RENAN, GOLPISTAS APELAM PARA QUE ELE SE ENFORQUE

MÍDIA GOLPISTA MUDA DE ACUSAÇÃO CONTRA PRESIDENTE DO SENADO

VOTO DO RELATOR ENTERRA ESCROQUERIA DA MÍDIA GOLPISTA CONTRA RENAN

PARA LULA, ATO DE NÃO RENOVAR A LICENÇA DA RCTV FOI DEMOCRÁTICO

OEA APROVA PROJETO DA VENEZUELA PARA DEMOCRATIZAR MÍDIA

"TEMOS QUE APRENDER A RESPEITAR AS LEIS DE CADA PAÍS", DIZ LULA

RENAN MOSTRA PROVAS DA TORPE ESCROQUERIA DE VEJA E SUAS FONTES

RENAN REFUTA CALÚNIAS E CONCLUI DISCURSO SOB APLAUSO DO SENADO

MÁFIAS ELIMINADAS POR LULA SÃO OS RESTOLHOS DO DESGOVERNO DE FHC

EMENDA 3 É AGRESSÃO AO MAIS PRIMÁRIO DOS DIREITOS TRABALHISTAS

LULA DIZ QUE RESPEITO À LEI MAIOR O IMPEDE DE CANDIDATAR-SE EM 2010

RECONHECIMENTO DAS CENTRAIS AMPLIFICA A DEMOCRACIA NO PAÍS

MANTEGA QUER REDUÇÃO DO "COMPULSÓRIO" PARA ACELERAR QUEDA DO JURO

 

CENTRAIS CONVOCAM A MOBILIZAÇÃO GERAL EM APOIO AO VETO DE LULA À "LEI DA ESCRAVIDÃO"

 

2.500.000 LOTAM RUAS E PRAÇAS EM SP PARA APROFUNDAR MUDANÇAS

 

COMPRA DA TIM CRIA MONOPÓLIO ILEGAL DA TELEFÔNICA NO BRASIL

"VAMOS GARANTIR A PRIMAZIA DO TALENTO SOBRE AS FORTUNAS"

PSDB, PFL, MP-SP, CPI E MÍDIA GOLPISTA ACOBERTARAM BINGOS

JURO NÃO CAI PORQUE MEIRELLES INSISTE EM TOMAR DE TODOS PARA DOAR AOS BANQUEIROS

INDEPENDÊNCIA ENERGÉTICA UNE AMÉRICA DO SUL

MEGA ENCOMENDA DE NAVIOS ATIVA MARINHA MERCANTE E ESTALEIROS

LULA: "OPOSIÇÃO QUER CRIAR CPI PARA ENTRAVAR A APROVAÇÃO DO PAC"

LULA DÁ TODO PODER À FAB PARA PÔR BIRUTAS DE AEROPORTO NA LINHA

LULA DIZ AOS EUA QUE RELAÇÃO BRASIL-IRÃ NÃO É DA ALÇADA DE BUSH

SENADO ISOLA BUSH E COMEÇA A VOTAR RETIRADA DO IRAQUE

 

 DIRETORES DO BC E FORÇAS OCULTAS DO MERCADO FLAGRADOS EM REUNIÃO SECRETA

 

TV PÚBLICA É DEMOCRACIA. MONOPÓLIOS DE MÍDIA SÃO SUA NEGAÇÃO

 

"VEJA" ABRE CRUZADA FASCISTA CONTRA REDE PÚBLICA DA TELEVISÃO

 

ANATEL ABRE A PORTEIRA PARA O CARTEL DAS TELES DOMINIAR A TV DO BRASIL

 

BUSH SAI DA AMÉRICA DO SUL MAIS ISOLADO DO QUE NA CHEGADA

 

BUSH NÃO QUER COMPRAR NOSSO ÁLCOOL, QUER AS NOSSAS USINAS

 

ÁLCOOL: EUA INVESTEM 2 BILHÕES DE DÓLARES PARA DESNACIONALIZAR A PRODUÇÃO DO BRASIL

 

SOLUÇO NA BOLSA DE NY E JURO INSENSATO DE MEIRELLES FAZEM CAIR BOLSA NO BRASIL

 

LULA CONVOCA TABARÉ A SE UNIR A HERMANOS E NÃO AO BIG BROTHER

 

LULA A MORALES: "ANTES DE SERMOS PRESIDENTES SOMOS COMPANHEIROS"

 

TURBA QUER COMBATER CRIMES LINCHANDO OS MONSTROS QUE CRIOU

 

LULA CONCLAMA O PT A MANTER O RUMO E "NÃO A ATIRAR NO PRÓPRIO PÉ"

 

PROMESSA DO COPOM DE MANTER JUROS ALTOS ACIRRA CRISE CAMBIAL

 

 LULA CORRIGE CONTAS DA PREVIDÊNCIA: "DÉFICIT" ERA SÓ TRUQUE CONTÁBIL

 

DRT EMBARGA OBRA NO BURACO DE SERRA

 

"CHAVEZ FOI ELEITO 3 VEZES DA FORMA MAIS DEMOCRÁTICA"

 

MEIRELLES TRAVA QUEDA DE JUROS PARA SABOTAR PLANO DE CRESCIMENTO

 

PAC: LULA ANUNCIA INVESTIMENTOS DE R$ 500 BILHÕES NO DESENVOLVIMENTO

 

OMISSÃO, GANÂNCIA E NEGLIGÊNCIA FIZERAM RUIR O TÚNEL DO METRÔ

 

SANHA PRIVATISTA GERA TRAGÉDIA NAS OBRAS DA LINHA 4 DO METRÔ-SP

 

LULA SUSPENDE A PRIVATIZAÇÃO DAS RODOVIAS FEDERAIS

 

EUA INTIMA FANTOCHES A VOTAR LEI DO ASSALTO AO PETRÓLEO IRAQUIANO

 

LINCHAMENTO DE SADDAM EXIBE MISÉRIA MORAL DE BUSH E SUA KLAN