Diretor da Andrade Gutierrez confirma que entregou propina para assessor de Cabral

Mesada de R$ 350 mil era carinhosamente chamada de “taxa de oxigênio”

Na última quarta-feira (15), a força tarefa da Operação Calicute, um desdobramento da Lava Jato no Rio, ouviu três depoimentos de testemunhas e assinou um acordo de delação premiada, que confirmaram diversas maneiras de arrecadação de propina para o ex-governador do Rio, Sergio Cabral (PMDB), preso em novembro passado. O procurador Leonardo Freitas destacou com espanto a quantidade de fatos que surgem com as investigações, “não sei onde terá fim essa apuração”.

O engenheiro Rafael Campello, afirmou que entregou cinco envelopes de dinheiro enrolados em jornal a Wagner Jordão, ex-assessor de Cabral apontado como operador financeiro das propinas relativas à Secretaria de Obras do Estado do Rio de Janeiro, também preso na Calicute. Ele também afirmou que antes da assinatura do contrato do PAC de Manguinhos, houve pagamento mensal pela empresa, por um ano, de R$ 350 mil, para o esquema de propina.

Além disso, ele relatou uma mesada chamada “taxa de oxigênio”, que foi confirmada pelo depoimento de João Marcos Fonseca, diretor de obras da Andrade Gutierrez, segundo ele era uma “mesada para que fosse aquinhoada [a empreiteira] com projetos futuros”.

Já a gerente da joalheria Antônio Bernardo, no Shopping da Gávea, Vera Lúcia Guerra, relatou que Sergio Cabral, Adriana Anselmo e Carlos Miranda, todos presos na Calicute, eram clientes antigos e faziam compras de joias em datas festivas. De acordo com Vera o pagamento era feito em cheques parcelados e trocados por dinheiro nas datas de vencimento. As vendas eram feitas com desconto especial e sem nota fiscal.

O ex-diretor de operações da Andrade Gutierrez, Clóvis Renato Numa Peixoto Primo, que assinou acordo de delação premiada, declarou que uma das formas de pagamento de propina à Cabral foi a doação eleitoral para a campanha de reeleição em 2010, declarada oficialmente ao Tribunal Eleitoral. Os valores das doações eleitorais declaradas eram descontadas depois do pagamento de propina, segundo o executivo.

O procurador Leonardo Freitas  destacou que “pelo valor, pela dimensão e pelo próprio pedido de adiantamento, como as testemunhas hoje confirmaram, antes de qualquer obra ser realizada, mostra uma estrutura muito intensamente voltada para esta prática criminosa. Não sei onde terá fim essa apuração, mas continuamos apurando”.


Capa
Página 2
Página 3

Atos dizem NÃO a Temer & súcia em defesa da Previdência e CLT

Lula diz que quer resolver o “problema” da Previdência com Henrique Meirelles

Lava Jato quer punir criminosos, mas presidente do TSE se reúne com eles no Palácio do Planalto

STF vê indícios de crime ambiental em Padilha

Diretor da Odebrecht reafirma que Palocci é o “Italiano”

O sr. Rodrigo Maia e o desnudo da “reforma trabalhista” (Marco Antonio Campanella)

Supremo aceita denúncia contra deputado petista

Página 4 Página 5

SP: Metalúrgicos param vias contra assalto à Previdência

Estivadores enfrentam repressão da PM durante protesto em Santos

“Se a PEC passar, a polícia vai parar”, alertam agentes federais e civis durante manifestação

“PEC é retrocesso inadmissível que a sociedade brasileira não pode aceitar”, diz presidente da OAB

Justiça manda governo Temer retirar propaganda enganosa sobre reforma

Transporte para e população aplaude metroviários em greve

ESPORTES - Zagueiro marca e Palmeiras vence no apagar das luzes

Página 6

“Lava Jato” lusa flagra o conluio Odebrecht, Lula e premiê Sócrates

Lava-Jato flagra propina da Odebrecht por obra de hidrelétrica em Portugal

Argentinos promovem barulhaço contra tarifaço de Macri e arrocho que provoca o desemprego

Holanda: presepada antimuçulmana às vésperas da eleição dá vitória apertada a Rutte sobre Wilder

Herói grego condena os “ajoelhados diante dos poderes estrangeiros”

Guatemaltecos exigem renúncia de Jimmy Morales após a morte de 40 meninas asfixiadas

25 mil camponeses marcham até o Palácio Nacional: “Fora Jimmy” 

Página 7

Trump libera execuções com drones da CIA e desativa ‘terças da morte’

Justiça americana bloqueia novo decreto anti-imigrantes de Trump

Fed sobe 0,25% mas juro continua negativo


França: candidato François Fillon é indiciado por ter agraciado mulher e filhos com empregos-fantasma

“Escândalo dos nudes”: e como fica o moral da tropa na hora de tocar o terror “do alto de Montezuma às praias de Trípoli”?


Papa critica adoradores do dinheiro que fecham as fábricas e os empregos


Premiê Li Keqiang saúda ‘grande progresso do comércio sino-russo’

Intercâmbio Irã-Rússia cresceu 80% em 2016
 

Página 8

Os auditores fiscais da Receita contra as mentiras do governo sobre a Previdência