Espanha: Banco Popular quebra e
é vendido ao Santander por 1 euro

Após uma corrida aos caixas eletrônicos, o Banco Popular, até então o sexto maior banco da Espanha com 17 milhões de clientes, foi ao chão na terça-feira da semana passada (6) e para que o pânico não se estendesse aos demais bancos espanhóis foi “comprado pelo banco Santander por 1 (um) euro em operação montada às pressas pelo ministério da Economia, após o BCE bater o martelo de que era a liquidação pura e simples ou a venda.

Conforme o Ministério da Economia espanhol, às 3 horas da tarde do dia 6 o Banco Popular não podia mais conter a sangria. “Tinha esgotado todas as suas linhas de liquidez, tanto ordinárias quanto extraordinárias”. Tinha ficado sem garantia para cobrir quaisquer outras linhas de liquidez de emergência.

Os especuladores detentores dos títulos mais arriscados do banco foram atingidos pela chamada cláusula de “bail in” do BCE aprovada no ano passado e perderam suas apostas. Para cobrir o rombo remanescente, o Santander disse que vai reservar 7,9 bilhões de euros.

Como descreveu o blogueiro Don Quijones, “após a semana mais tumultuada desde os dias de resgate de 2012, o sistema bancário da Espanha foi dominado por um clima de medo, incerteza e desconfiança” e ao invés de aliviar os nervos dos especuladores, a venda do sexto maior banco espanhol por 1 euro só agrava os temores. O pânico ameaça se estender ao 8º maior banco da Espanha, o Liberbank, mini-Bankia que se gerou em 2011 do casamento forçado de três caixas de poupança falidas, Cajastur, Caja de Extremadura e Caja Cantabria.

  

Capa
Página 2
Página 3

Procuradores: MP 784 é afronta à Lava Jato

Por 3 a 2, 1ª Turma do STF decide manter a irmã de Aécio na prisão

Aécio desrespeita decisão do STF, diz Janot

Juristas pedem investigação para apurar delitos de Gilmar Mendes

Ato de filiação de João Vicente Goulart ao PPL será na Assembleia Legislativa de SP

Joaquim Barbosa: “a decisão correta é convocar o povo”

Reale: “cúpula do PSDB faz acordo espúrio com Temer”

Fachin nega pedido de Lula para suspender ação do Triplex

Página 4 Página 5

Cresce adesão de categorias em apoio à greve geral dia 30

Curitiba: servidores invadem Câmara e barram votação de pacote que congela salários e arrocha o município

Senadores Paulo Paim e Randolfe repudiam relatório favorável ao PL da reforma trabalhista

Servidores municipais de Alagoas entram em greve por tempo indeterminado contra reajuste salarial zero

Morre mais um funcionário após acidente em sonda da Odebrecht

Luta contra retirada de direitos marca 8º Congresso da Força

ESPORTES - Seleção goleia a Austrália em amistoso de Melbourne : 4 a 0

 

Página 6

Webb: ‘Cortes neoliberais fazem de prédio londrino tragédia anunciada’

“Russia pode fornecer asilo a ex-diretor do FBI” ironiza Putin

Estudantes venezuelanos rechaçam farsa constituinte de Maduro e entrega das riquezas do “Arco Mineiro”

Bolívia: Ministério do Exterior exige que bolivianos presos pelo Chile, ao deterem contrabandistas, sejam liberados

Implicado em subornos da Odebrecht, ex-presidente do Panamá é preso em Miami

Macri corta pensões de 170 mil portadores de necessidades especiais

Página 7

EUA lança bombas de fósforo branco contra cidade de Mossul

Espanha: Banco Popular quebra e é vendido ao Santander por 1 euro

Comitê pela Reunificação conclama todos os coreanos a manter no alto a bandeira da pátria independente e unida

“Plano da Europa para refugiados fracassou”, afirma o alto comissário das Nações Unidas

O tamanho real do desemprego nos EUA
 

Página 8

João Goulart: a luta e as conquistas que corruptos e entreguistas querem usurpar